quarta-feira, 29 de outubro de 2014

O mar sempre banhou teus olhos, menina.



 O maior problema para não sorrir, é a dificuldade em aceitar a felicidade . Sim, tem vezes que nos sentimos tão menores, tão impróprios de vida , tão humilhados, que não nos achamos dignos de um sentimento tão puro, como a felicidade . Não é possível então , declamar mil poemas de amor  sem um coração que ri . Nossa alma não encontra mar pra ancorar um sorriso. 
 Mas , tudo isso por quê? A vida nos dá 24h por dia de tempo pra rir, ou fazer alguém rir também . Há quem diga que não , há quem deseje terminar o relógio diário , há quem deseje estancar a dor com sangue, há quem já se perdeu na busca do mar. 
 Ninguém é culpado pela falta de luz. Mas a lua sempre tentou iluminar na ausência do sol. O mar sempre banhou teus olhos , menina. 
 Pode ser que pareça distante , mas os sonhos são a forma mais real de se viver a alma . Não perca o caminho do destino, não, ele não se encarrega de pô-la no lugar . Livre-se dos antigos gostos, livre-se de todas essas lágrimas que afogam teu coração em dor. Pense no mundo pequeno que te rodeia, e todas as pessoas as quais tentam lhe tirar um riso a cada dia . É dessas pessoas , que sua vida é feita . É desse céu de estrelas , que vem a tua luz. Pra quê tanto lamento ? Tanta busca ? Seu mar sempre esteve bem aí menina, debaixo do seu nariz. Vai lá e sorri pra vida , conta pra todo mundo que achou a felicidade , e que ela de bondosa lhe abraçou e retrucou " Eu sempre estive aqui, todo esse tempo" . 

Nenhum comentário: