quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Pensamento do dia " Tempo em questão"



 Engraçado como é falar do Tempo, como é perdê-lo e como é reservá-lo sem poder guardá-lo, nem voltar de onde paramos, e muito menos controlá-lo. É inevitável percebê-lo depois de algum tempo, já que o próprio Tempo não se deixa ser pego, mas sim nos "pega" e deixa sua marca, com risos e conhecimentos. Rugas e cabelos brancos demonstram o quanto já conviveram com o amigo Tempo, por muito tempo. E quando esse tempo chega, o próprio passa a te dar mais tempo para aproveitar essa amizade que é o que distancia o nascimento da morte e que nos faz aproveitar cada instante e pensar antes de fazer. Porque o Tempo não para, não descansa e nem tira férias, apenas cuida para que tudo tenha sua hora certa, com conjunto e perfeito compasso do destino. 


Nenhum comentário: